Devolvendo o casco

Vocês se lembram quando ainda não existiam garrafas de plástico para refrigerantes e nem as não-retornáveis para cerveja? Sim, naquela época era preciso levar os cascos vazios para o supermercado para ganhar um cuponzinho que permitia comprar número igual de garrafas com o líquido dentro. Quem não tivesse casco tinha que pagar um valor maior, que incluía o preço da garrafa.

Pois aqui no Canadá existe algo semelhante. Pelo menos em Ontário, você paga 10 centavos de depósito para cada garrafa ou lata de cerveja que compra nas chamadas Beer Stores, que são as lojas onde você pode comprar cerveja por aqui. Depois, quando você volta para a loja com as garrafas vazias, ganha de volta seus 10 centavos por garrafa.

Notem acima que em Ontário só é possível comprar cerveja nessas lojas ou nas lojas da rede LCBO - Liquor Control Board of Ontario -, que também vendem vinhos, destilados e outras bebidas alcóolicas. Algumas cervejas vendidas na LCBO também têm em seu preço o depósito de 10 centavos incluído, e podem ser levadas para as lojas de cerveja para retorno.

A província agora vai ampliar o leque de produtos no qual um depósito por casco é cobrado. Os vinhos e destilados também devem entrar nessa a partir de fevereiro, mas o preço ainda não foi definido (alguns estimam que pode chegar a até $1 por garrafa). A idéia é forçar o consumidor a levar as garrafas para as lojas de cerveja para que possam ser recicladas ou reutilizadas, reduzindo assim seu impacto no meio ambiente.

Atualmente as garrafas de vinho e destilados são recicladas por meio do sistema de coleta semanal das "caixas azuis", que são levadas para centros de reciclagem e onde o vidro é separado. Porém, como o processo não é lá tão perfeito, muitas vezes as garrafas de vidro se quebram, e o vidro escuro se mistura com o vidro claro, o que impossibilita sua reciclagem (a separação dos pedaços de cacos seria muito custosa). Com o retorno das garrafas para as lojas de cerveja, o governo espera reduzir essa perda com garrafas quebradas, e aumentar o número de cascos reutilizados ou reciclados.

Particularmente, acho a idéia legal. Às vezes é preciso lembrar que a praticidade na vida moderna não é tudo, e o meio ambiente ainda precisa ser lembrado de vez em quando. Só falta inventarem agora um centro de reciclagens de fraldas descartáveis usadas. Essas sim, devem ter um impacto bem forte no meio ambiente.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home