Nome afeta chances de emprego

Quer que seu filho tenha boas chances de emprego quando crescer aqui no Canadá? Então melhor chamá-lo de John, Robert, Peter, Mary, Jane ou Elizabeth. Ou algum outro nome em inglês. Segundo um novo estudo realizado pela Universidade de British Columbia, pessoas com nomes anglófonos tem 40% mais chances de serem chamados para uma entrevista de emprego que pessoas com nomes estrangeiros, como chineses, indianos e paquistaneses. Ou seja, apenas comprova o que muitos imigrantes já desconfiavam. Não importa a formação e a experiência fora do país, alguns imigrantes tem real dificuldade de serem chamados para uma entrevista - e mais ainda de conseguirem um emprego sem a chamada experiência canadense. Segundo o site canada.com (http://www.canada.com/Business/anglo+names+barrier+hunters+Study/1613611/story.html), teve gente mudando até sobrenome e conseguindo muito mais retorno aos currículos enviados para entrevistas de emprego. Um homem com sobrenome Mustafa, por exemplo, mudou esse nome pra Martin e começou a ser chamado para entrevistas às quais não tinha acesso anteriormente. E aí, que tal trocar seu nome de Pedro pra Peter e de Silva pra Smith? Será que chamam o Peter Smith mais vezes que o Pedro Silva?

Marcadores: , , , , , , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home