Até aonde vai a liberdade?

Até onde vai a liberdade em uma democracia? Será que ser livre não exige a imposição de certos limites? Afinal, como podem ser todos livres se a liberdade de um começar a interferir na liberdade dos outros?

Pois é isso que está acontecendo aqui em Toronto estes dias. Revoltados com a situação no Sri Lanka, seu país de origem, a minoria Tamil vem realizando uma série de protestos na cidade (e em outros pontos do mundo) nos últimos meses. Querem chamar a atenção para as dificuldades que vem enfrentando diante do governo no Sri Lanka.

O ato de protestar em si não tem nada de errado. Pacíficos, os manifestantes querem apenas chamar a atenção do governo para que a pressão internacional possa forçar o governo do Sri Lanka a mudar sua atitude em relação ao povo Tamil. Inclusive, muitos dos manifestantes são cidadãos canadenses que apóiam a causa ou vem daquele país. Ou seja, nada demais realizar um protesto pacífico em um país democrático como o Canadá.

Porém, as manifestações vem sendo marcadas por um severo desrespeito às leis e determinações das autoridades, que tentam organizar as manifestações para que a população em geral (que normalmente não tem nada a ver com o objetivo das manifestações) não sofra desnecessariamente. Bloqueios a ruas causaram um grande transtorno no centro de Toronto em algumas ocasiões nos últimos meses, mas neste domingo os manifestantes se superaram. Simplesmente bloquearam por sete horas a Gardiner, uma autopista que corta o sul do centro de Toronto de leste a oeste, próximo ao lago Ontario.

Quem estava na estrada não tinha como sair, e ficou preso durante esse tempo todo enquanto a polícia tentava calmamente remover os manifestantes, sem muito sucesso. Com mulheres, bebês e carrinhos de criança, os manifestantes simplesmente julgaram que sua liberdade de expressão e desejo de chamar a atenção para uma questão realmente importante passava por cima do direito dos outros de irem e virem, ou de simplesmente voltar pra casa depois de comemorar o dia das Mães.

Se queriam chamar a atenção, conseguiram. Mas também atraíram a antipatia de muita gente para sua causa. A meu ver, abusaram da sua liberdade ao interferir com a dos outros.

Marcadores: , , , , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home